Shadow

James Cameron conduziu um estudo para verificar a morte de Jack no Titanic

Por 25 anos, Titânico os fãs foram inflexíveis de que havia espaço na porta para Jack (Leonardo DiCaprio) e Rose (Kate Winslet) sobreviverem ao naufrágio do navio. O diretor James Cameron, por sua vez, tem certeza de que Jack teve que morrer – tanto que conduziu um estudo para provar que o personagem de DiCaprio não sobreviveria ao Titanic.

“Fizemos um estudo científico para colocar tudo isso de lado e enfiar uma estaca em seu coração de uma vez por todas”, disse Cameron ao jornal. Sol de Toronto. “Desde então, fizemos uma análise forense completa com um especialista em hipotermia que reproduziu a jangada do filme e faremos um pequeno especial sobre ela que será lançado em fevereiro.”

Cameron continuou: “Pegamos em dois dublês que tinham a mesma massa corporal de Kate e Leo e colocamos sensores sobre eles e dentro deles e os colocamos em água gelada e testamos para ver se eles poderiam ter sobrevivido a uma variedade de métodos e a resposta foi, não havia como os dois terem sobrevivido. Apenas um poderia sobreviver.”

A explicação de Cameron não mesmo aborde a teoria de que a porta em que Jack colocou Rose tinha espaço para dois, a menos que o argumento do cineasta seja que a porta teria afundado com duas pessoas nela. Acho que teremos que assistir ao especial em fevereiro para maior clareza.

Titânico retornará aos cinemas no fim de semana do Dia dos Namorados. O mais recente projeto de Cameron, Avatar: O Caminho da Água, está fora agora.

Leave a Reply

Your email address will not be published.